Portugal Madeira Madeira Norte Central

Madeira Norte Central

Grande parte é composta pela floresta Laurissilva, tão antiga que foi designada como Património Mundial da Unesco.

Na costa encontra as aldeias intactas de Ponta Delgada, Boaventura e Arco de São Jorge. Santana é famosa pelas suas casas em forma de triangular, também possui um parque temático e de teleférico que proporciona um passeio de arrepiar.

É também a porta de entrada para o interior da ilha e o seu pico mais alto, Pico Ruivo, que também pode ser alcançado através da caminhada soberba do Pico do Arieiro. Igualmente impressionante é o monte Penha de Águia.

Ponta Delgada

Ponta Delgada
Ponta Delgada
  • Coordenadas:32.822803,-16.99223

Dominada pela Igreja de Bom Jesus, que se torna o foco dum festival religioso em setembro, a Festa de Senhor Jesus, comemorando a sobrevivência dum crucifixo de madeira, lavado em terra em 1470, presumivelmente dum navio afundando.

A capela foi construída para abrigar o crucifixo, mas foi incendiada em 1908. O crucifixo, no entanto, sobreviveu ao fogo e, embora carbonizado, agora tem lugar de honra na atual igreja (1919).

A algumas centenas de metros a leste da igreja encontra a moderna piscina e o centro social da vila no verão. Aqui  vai encontrar uma piscina natural deliciosamente fresca, vestuários e um café-restaurante.

Boaventura

Boaventura
Boaventura
  • Coordenadas:32.817304,-16.973162

Boaventura é uma pequena vila, agrícola e aglomerada em torno duma igreja. Logo abaixo da igreja, um sinal aponta para o miradouro, donde há uma vista magnífica sobre a costa e as montanhas verdejantes ao norte.

De Boaventura, a estrada velha de Arco de São Jorge é uma das mais dramáticas na Madeira. Através do vale verdejante da Ribeira do Porco, mergulhar através dum túnel e de volta para a costa por campos mais exuberantes e vinhas.

Arco de São Jorge

Arco de São Jorge
Arco de São Jorge
  • Coordenadas:32.825797,-16.955083

Arco de São Jorge é pouco mais que uma pequena aldeia, mas tem uma das mais atraentes quintas na ilha, a Quinta do Arco, com um impressionante Roseiral.

Venha no verão, quando a maioria das milhares espécies estão em flor e os jardins são verdadeiramente espectaculares.

São Jorge

A pequena vila de de São Jorge é composta por casas bem conservadas entre vinhas, e pela sua igreja barroca do século XVIII. O elaborado altar, folheado a ouro contém uma estátua de São Jorge, matando um dragão.

Atrás da igreja, a Casa de Palha é um edifício com telhados de palha tradicional que tem sido mantido como uma loja de recordações.

Pode ver outras casas de palha na  caminhada de 15 minutos para norte de São Jorge até ao farol vermelho na Ponta de São Jorge.

A um quilómetro de São Jorge, encontra um sinal para a Foz da Ribeira, composta por piscinas naturais e   praia rochosa. A estrada termina com uma passarela de pedra sobre a ribeira – entre a caminhada costeira de São Jorge para a Quinta Furão.

Aqui  encontrará o Complexo Balnear de São Jorge, uma piscina natural moderna, com o seu próprio café-restaurante e uma vista soberba da costa.

Quinta do Furão

Quinta Furão
Quinta Furão
  • Coordenadas:32.824561,-16.885279

Dramaticamente situada entre falésias e rodeada por vinhas, a Quinta Furão é um complexo hoteleiro e restaurante dirigido pela Wine Company da Madeira.

Durante a safra de Setembro (geralmente segunda ou terceira semana do mês) os turistas são incentivados a participar na tradicional uva-pisada – descalços.

Santana

Santana
Santana
  • Coordenadas:32.803558,-16.878976

Famosa pelas suas casas, uma das imagem mais conhecidas da Madeira, a vila situa-se numa das áreas mais férteis  da Madeira produzindo figos, amoras, ameixas e kiwi.

A vila se estende ao longo da principal estrada da costa, com algumas praças cuidadas na perfeição e uma igreja bonita. Como na proximidade, também tem algumas das mais impressionantes paisagens montanhosas.

Abaixo da igreja de Santana, uma estrada assinala leva-o cerca de 1 km ao Teleférico Rocha do Navio, um teleférico extraordinário, que desce assustadoramente sob um penhasco, a uma fajã cultivada, a Rocha do Navio.

O serviço, embora popular entre os turistas, foi desenvolvido para os agricultores que trabalhavam na fajã. À medida que  desce, há belas vistas do litoral e de uma cachoeira nas paredes rochosas.

Parque Temático da Madeira

Parque Temático do Madeira
Parque Temático do Madeira
  • Coordenadas:32.80322,-16.88439

Sete hectares de jardins paisagísticos numa encosta íngreme, o “parque temático Madeira” fornece meio-dia de diversão.

As principais atrações são compostas por vários pavilhões, oferecendo espectáculos multimédia sobre os aspectos da Madeira e a vida na ilha: o seu povo, ambiente, e assim por diante.

Há uma abundância de espaço para as crianças, com um lago com barcos, cafés e lojas. Há também um parque infantil, um comboio terrestre, um moinho de água recriado, modelos de casas madeirenses e formas históricas de transporte.

A parte mais interessante, para os adultos, é o artesanato, com pequenas oficinas onde as pessoas demonstram ofícios tradicionais, tais como escultura e tecelagem.

Queimadas
Queimadas
Queimadas

No interior de Santana encontra uma das áreas florestais mais encantadoras da Madeira (parte da floresta Laurissilva protegido pela Unesco).

Para chegar, siga o sinal para Queimadas fora da EN101 – pouco antes do Parque Temático. Uma estrada íngreme leva-o à Casa das Queimadas, uma casa de palha idílica, usada por trabalhadores florestais.

O interior do lugar é bastante básico, mas  se necessário pode usar a casa de banho. Na frente da casa há mesas de piquenique de madeira sob árvores altas, ao lado de ribeiras borbulhantes – um ótimo local para um piquenique.

Muitas pessoas também vêm aqui para andar na Levada do Caldeirão Verde, um dos melhores passeios da ilha.

A Levada do Caldeirão Verde

Levada do Caldeirão Verde
Levada do Caldeirão Verde
  • Coordenadas:32.784593,-16.907556

O início da Levada é claramente assinalado na Casa das Queimadas. Siga o caminho sob pinheiros antigos até chegar a um portão, que  vai atravessar.

Cinco minutos depois, um desvio íngreme leva-o para baixo, à direita, mas rapidamente sobe até à principal via levada. O caminho estreita-se e  segue os contornos que torcem para o vale.

Cerca de uma hora, a levada atravessa 4 túneis que ficam progressivamente mais longos e baixos. No quarto túnel, tenha cuidado com a cabeça, pois em certas seções o teto é mesmo baixo.

Vai passar por um enorme tronco de uma árvore lírio-do-vale que se pensa ter mais de 800 anos de idade. Finalmente, de cerca de noventa minutos de caminhada,  vai chegar ao anfiteatro natural verde de rocha coberta de musgo –  Caldeirão Verde.

Um pequeno caminho orienta-o para um pequeno lago, um local agradável para um piquenique. O caminho da Levada continua para o Caldeirão do Inferno, uma cascata ainda mais impressionante a cerca de uma hora.

Pico Ruivo

Pico Ruivo
Pico Ruivo
  • Coordenadas:32.758953,-16.94303

Com 1862 metros, é o ponto mais alto da Madeira, oferecendo as mais deslumbrantes vistas sobre a ilha. Apesar da sua altura, o pico é acessível por carro pela estrada EN101-5 de Santana a Achada do Teixeira.

Com cerca de 10 km de Santana, a estrada passa por Pico das Pedras, um atraente local arborizado para piquenique e uma boa base para alguns passeios locais.

A estrada, em seguida, sobe as encostas do Pico Ruivo até que termina 15 km para além do Pico das Pedras num parque de estacionamento ao lado da Achada do Teixeira.

Atrás da Achada do Teixeira pode constatar uma impressionante série de colunas naturais de basalto conhecidas como Homem em Pé. De volta ao parque de estacionamento,  verá o início dum caminho até ao cume do Pico Ruivo.

Passados 40 minutos, torna-se uma subida íngreme. É um local maravilhoso: silêncio completo para além do som do vento.

Penha de Águia, Faial e arredores

Penha de Águia
Penha de Águia
  • Coordenadas:32.782291,-16.86025

Com 590 metros, existem caminhos extremamente difíceis até ao seu cume – cerca de uma hora a subir. Caso contrário, o melhor lugar para contemplar a sua beleza é a partir da aldeia tranquila do Faial.

As melhores vistas são a partir da sua praça pavimentada. A igreja é o ponto focal duma festa animada, realizada a 8 de setembro. De Faial, uma ponte da estrada atravessa o vale profundo da Ribeira Seca.

Ao dirigir-se, através da nova ponte, para a Foz da Ribeira do Faial, passa por uma pista de karting até chegar à piscina natural, um parque infantil, a praia rochosa.

Ribeiro Frio

Ribeiro Frio
Ribeiro Frio
  • Coordenadas:32.733333,-16.883333

Aproximadamente a meio caminho entre as costas norte e sul está a vila de Ribeiro Frio, – assim chamada por causa da sua posição alta e isolada num vale arborizado que recebe pouco sol.

Mas o ar frio não pára a prosperidade da flora: hortênsias e orquídeas dão cor aos jardins da vila cuidadas pela ribeira. A vista principal da aldeia é, no entanto, uma fazenda de trutas administrada pelo governo, situada nos jardins atraentes.

Alimentada por várias levadas locais, os tanques de água doce circulares são uma massa fervilhante de roda dos peixes, alguns dos quais acabam no menu dos restaurantes locais.

A floresta ao redor de Ribeiro Frio é parte da floresta nativa Laurissilva e forma o pano de fundo para algumas grandes caminhadas, sendo a mais popular a pé até Balcões.

Assinalada fora da da vila, logo após o Bar Faisca, é uma caminhada fácil, passando por jardins exuberantes. Balcões é uma plataforma de observação, que oferece vistas deslumbrantes sobre os picos mais altos da ilha.

A mais dura caminhada a partir de Ribeiro Frio é sinalizada a leste de Portela –  uma caminhada de 12 km para três a quatro horas.

Pico do Arieiro

Pico do Arieiro
Pico do Arieiro
  • Coordenadas:32.715683,-16.932329

O terceiro ponto mais alto na Madeira com 1818 metros – devido á sua acessibilidade é dos mais populares picos e atrai um fluxo constante de visitantes. Deve partir cedo ou no final da tarde se quiser evitar multidões.

A partir do parque de estacionamento, os pontos de vista podem ser surpreendentes, às vezes visíveis com ambas as costas da ilha, mais frequentemente uma das costas será submersa sob as nuvens.

O parque de estacionamento marca o início de um dos passeios mais interessantes na ilha. Outra opção é caminhar apenas a primeira secção do percurso até ao Pico Ruivo, para Ninho da Manta.

São cerca de cinquenta minutos a pé , ida e volta, até um miradouro com vistas fantásticas para a costa sul. Caminhe do Pico do Arieiro até ao Pico Ruivo. Este passeio é o mais espectacular na Madeira – e, consequentemente, um dos mais populares.

A menos que tenha arranjado alguém para buscá-lo na Achada do Teixeira, precisa cerca de 5 a 6 horas para incluir a viagem de retorno. Alternativamente, considere tomar um dos inúmeros passeios organizados, que incluem recebê-lo no Pico Ruivo.

Poiso e o Parque Ecológico do Funchal

  • Coordenadas:32.712265,-16.888267

A EN103 começa a sua descida para Funchal em Poiso. Poiso foi o local tradicional para viajantes pararem. Muitos motoristas ainda fazem uma pausa  na excelente Casa de Abrigo.

As encostas íngremes a oeste de Poiso fazem parte do Parque Ecológico do Funchal, uma área protegida usada como “centro de educação”.  Verá sinais para o parque na estrada Poiso-Funchal.

Dentro do parque, há trilhos marcados, mesas de piquenique e áreas de churrasco. Um olhar atento descortina a espécie gigante de louro, Vinhático e Barbusano, e aves como o bobo-pequeno, gaviões, perdizes de patas encarnadas, corujas, toutinegras.