Início Açores Grupo Central Angra do Heroísmo – Ilha Terceira (Açores)

Angra do Heroísmo – Ilha Terceira (Açores)

Igreja da Misericórdia

  • Coordenadas: 38.654085, -27.218337

Perto do mar, na extremidade inferior da cidade, fica a bela Igreja da Misericórdia (Pátio da Alfândega), do século XVIII, perto das Portas do Mar. Por aqui Vasco da Gama atravessou desesperado na busca de médicos que ajudassem o seu irmão.

Estátua de João Vaz Corte Real no Museu de Angra do Heroísmo

Aqui, originalmente, foi construído o primeiro hospital dos Açores (1492)por João Vaz Corte-Real, cavaleiro de Tavira e capitão do donatário de Angra que descobriu a Terra Nova (Canadá) – talvez antes de Don Cristobal Colon chegar às Américas.

 

Forte de São Sebastião

  • Coordenadas: 38.651432, -27.212316

Para Este, após as Portas do Mar, na extremidade da marina fica o antigo forte da cidade, Forte de São Sebastião, do século XVI, erguido a mando de Dom Sebastião para proteger o valioso porto de pipas, donde grandes embarcações faziam escala para a Índia e Brasil. Hoje em dia é um tranquilo hotel: Pousada Forte de São Sebastião.

O porto perdeu importância para o (maior) porto da Praia da Vitória – agora a marina D’ANGRA é uma estrutura de apoio para os iates que cruzam o atlântico. Com alguns cafés, bares, restaurantes e Angra Marina Hotel, hotel de 5 estrelas com quartos espaçosos de belas vistas para o Monte Brasil.

  • Coordenadas: 38.652752, -27.215583

Prainha de Angra

Do outro lado das Portas do Mar, para oeste, fica o pequeno areal conhecido como Prainha de Angra – pequena abrigada praia urbana, de águas pacatas e limpas, com vários serviços de apoio a seu redor.

  • Coordenadas: 38.653719, -27.220021
No passado, era precisamente o local donde se reparava as embarcações que exigiam mais atenção e carinho, Naus e Galeões, por vezes, abarrotadas com ouro.

Fortaleza de São João Baptista

Fortaleza São João Baptista
  • Coordenadas: 38.650837, -27.225404
A partir da praia, continua para oeste, em 15 minutos a pé, chega ao sopé do Monte Brasil, donde ergue-se a Fortaleza de São Baptista, erguida em fins do século XVI – ao pé do Parque Municipal de Relvão (ótimo local para crianças).

No seu início chama-se Fortaleza de São Filipe, erguida a mando de Filipe II de Espanha após o desaparecimento do português Dom Sebastião (que era seu sobrinho) em Marrocos e que precipita a União Ibérica.

A fortaleza era considerada absolutamente inexpugnável, a maior que construíram fora de Espanha, e nesta época manda na ilha – 4 km de muralhas e centenas de canhões apontados à baía (e à cidade).

Durante a Guerra da Restauração, nobres e povo cercam a fortaleza por cerca dum ano. Os espanhóis, liderados pelo veterano cavaleiro de Santiago Alvaro de Vivero y Menchaca, bateram-se corajosamente, mas após vários combates rendem-se (por falta de víveres) – os que ainda estão vivos são transportados para Espanha.

Mais tarde, durante as Guerras Liberais (no século XIX), aqui surge a revolta militar a favor de Dom Pedro IV. No seu interior reside o Palácio dos Governadores e a Igreja de São João Baptista, que comemora a restauração da soberania Portuguesa (1640).

Nos Açores, em todas as ilhas, há a vertente da caminhada na natureza, e na Terceira tem um trilho muito interessante no Monte Brasil. Começa no Parque do Relvão, com 7 km de extensão (2:30) e nos mostra a natureza endémica da terceira assim como parte da história da ilha.

 

Reserva Florestal de Recreio do Monte Brasil

O Monte Brasil é uma península que resultou de três erupções dum vulcão já extinto, o natural guarda-costas de Angra. É um lugar idílico para um piquenique.

O seu trilho é envolvido por criptomérias e fetos, donde vários animais, como veados, vivem em plena comunhão com a natureza – passa uma boa tarde a explorar a colina de belas vistas em ambos lados do monte.

O acesso ao Monte culmina no Miradouro Pico das Cruzinhas, com uma vista muito bonita sobre Angra do Heroísmo. No topo o padrão dos descobrimentos assinala os 500 anos da descoberta da lha Terceira. De um lado, tem o ano 1432 que é o ano indicado da descoberta da terceira.

  • Coordenadas: 38.647276, -27.225440

A escolha do local para o primeiro povoamento da ilha, a Angra, é devido à proteção do Monte Brasil, uma barreira natural dos ventos predominantes que vêm de sudoeste.

Se olhar do miradouro para o telhado das casas de Angra verá dois tons de vermelho: um mais escuro e o outro mais claro – ao mais escuro é a telha de barro tradicional e a outra é a mais moderna que veio do continente europeu.

As casas com o telhado novo (mais clara) correspondem às casas reconstruídas após o sismo de janeiro de 1980 que destruí a maior parte das casas da Angra de Heroísmo.

O passeio vai-lhe abrir o apetite. A 700 metros, na Rua de São Pedro, surge a Adega Lusitânia, um clássico para conhecer os pratos regionais da Terceira.

  • Coordenadas: 38.657278, -27.227078

Experimente as excelentes lapas, a sopa da casa (receita é mantida em segredo), e a alcatra de carne macia. Faz lembrar a chanfana – não é por acaso, alguns dos primeiros povoadores conheciam bem a sua confeção. As sobremesas também são muito boas.