Açores Grupo Central Ilha do Pico (Açores)

Ilha do Pico (Açores)

A cerca de 10 km para Sudoeste, passando pela paisagem protegida da cultura da vinha, no extremo ocidental da Ilha fica Madalena, considerada a vila do vinho.

Nasceu no século XVIII, com uma localização privilegiada de frente para a Horta (Faial) de modo que vários senhores do Faial tinham aqui vinhas.

No novo porto fica a Gare Marítima donde partem ferries para Faial – levam meia hora a chegar à Horta (custa cerca de 5 euros, ver mais em Atlânticoline) passando pelos ilhéus: em Pé e o Deitado.

  • Coordenadas: 38.535381, -28.529572

A cerca de 300 metros da Gare Marítima fica o Hotel Caravela, com uma boa relação preço-qualidade. Com amplos quartos com vistas para o mar ou montanha fica próximo de todos os serviços da cidade. Com bom pequeno-almoço buffet.

  • Coordenadas: 38.535537, -28.528062

Muito próximo na costa fica o pequeno porto antigo, donde embarcações eram puxadas à força do ombro perto duma pequena capelinha dedicada a Santa Madalena; local da atual Igreja de Santa Maria de Madalena.

  • Coordenadas: 38.534343, -28.527769

Por detrás da igreja, no Largo Cardeal Nunes, encontra a Câmara Municipal da Madalena (http://www.cm-madalena.pt/) com o seu singular brasão.

  • Coordenadas: 38.534568, -28.527101

Com as cinco quinas nacionais, a coroa por cima não é dos reis portugueses; é a do Divino Espírito Santo (pombas são o símbolo do Espírito Santo), que é como que dizer que aqui quem mais reina é o Divino Espírito Santo.

A cerca de duzentos metros, em direção à costa, encontra a Zona Balnear de Areia Funda com piscinas naturais, de frente para os ilhéus da Madalena e Faial.

  • Coordenadas: 38.533772, -28.530245 

Outra opção para a natação fica a 200 metros, na rua Alexandre Herculano, a Piscina Municipal da Madalena, com chuveiros, casas de banho. No verão tem snack-bar.

  • Coordenadas: 38.533771, -28.534322 

Em pleno inverno, os moradores preferem nadar no porto porque a água é mais quente que da piscina. A um minuto a pé fica Jeirões Do Mar, apartamentos turísticos com kitchenette equipada, máquina de lavar e quartos confortáveis com vista para a costa. 

  • Coordenadas: 38.533238, -28.533787

A cerca de 500 metros, na Avenida Padre Nunes da Rosa fica a Taberna do Canal, restaurante de ambiente rústico e acolhedor, boa opção para provar várias iguarias regionais – experimente o polvo ou o bife de atum.

  • Coordenadas: 38.530340, -28.533050 

A diversidade pesqueira enriqueceu em muito a culinária da ilha. As traineiras andam sempre neste mar rico em abrótea, congro, garoupa, boca negra, albacora, enfim, muito peixe.

Aliás, experimente, se puder, filetes de abrótea com batata branca, pois, é dos peixes mais saborosos que existe nos Açores. Não é por acaso que frotas doutros países europeus escolhem pescar na zona económica exclusiva dos Açores. O Caldo de peixe, o polvo e lula guisada em vinho são também tradicionais no Pico.

Se não apreciar peixe, há bons pratos típicos de carne: deliciosos torresmos acompanhados por batata ou inhame, linguiça com inhame ou a molha de carne à moda do pico.

A ilha também tem o seu próprio queijo, Queijo São João do Pico. Tem uma consistência mole e pastosa de cor branca e amarelada – produzido por uma queijaria familiar na costa norte da ilha. O vinho Frei Gigante Branco do Pico é muito apreciado com peixe, e o vinho licoroso Czar é ótimo para a digestão.

 

Localizado no concelho da Madalena, O Museu de Vinho fica a cerca de 30 minutos a pé da rua principal (Rua Carlos Dabney) em direção ao aeroporto.

  • Coordenadas:38.536199,-28.516367

O museu instalado fica num antigo convento carmelita, cercado por um alto muro de pedra, onde prova e compra o vinho do Pico. O Verdelho é o vinho mais emblemático do Pico. No Museu encontra um bosque de dragoeiros, a maior concentração do País, que serviu para muitas coisas, a seiva era usada para a pintura e para fins medicinais.

Especificamente aqui existe um dragoeiro que pode ser o ser vivo mais antigo dos Açores – os Dragoeiros do Pico são já referenciados no século XVII.

Dragoeiro do Museu do Vinho

A cerca de 3 km na direção para o interior da ilha, encontra a Quinta das Rosas, de 3 hectares, cocktail interessante da vegetação endémica com flora exótica introduzida na ilha. Com parque de merendas e parque infantil proporciona belos momentos em família. A quinta é também um belo mirante para Faial sob o mar cintilante.

  • Coordenadas: 38.526099, -28.494493