Portugal Açores Ilha de Santa Maria (Açores)

Ilha de Santa Maria (Açores)

Anjos

  • Coordenadas: 37.004672, -25.157561

São cerca de 6 km para norte até Anjos, no passado um centro de atum; mas agora a fábrica está fechada. A pequena baía foi recentemente desenvolvida para natação. Por vezes, a Ilha de São Miguel, pode ser vista no horizonte.

A aldeia é historicamente importante – primeiro desembarque de Don Cristobal Colon no retorno das Américas. Uma estátua comemora o quinto centenário desse evento.

Estátua de Cristovão Colombo
Estátua de Don Cristobal Colon
  • Coordenadas: 37.005928, -25.153316

Quando regressava apanhou uma pavorosa tempestade – os tripulantes julgam que o seu último momento chegou. Don Cristobal Colon faz um voto à Nossa Senhora e pouco tempo depois a tempestade acalma e vislumbram terra – Santa Maria.

 

Metade da sua tripulação foi à Ermida da Nossa Senhora dos Anjos agradecer à Nossa Senhora. Os portugueses tratam bem da tripulação e, curiosamente, Colon quis omitir a sua estadia na ilha – numa carta posterior trocou-a por Isla Canaria.

  • Coordenadas: 37.005859, -25.153540

A pequena ermida da Nossa Senhora dos Anjos, século XV, é o primeiro local de culto construído nos Açores, referida no testamento de Infante Dom Henrique. Tem um tríptico que, segundo a tradição, é da caravela de Gonçalo Velho Cabral. O chicote exibido no púlpito é uma arma removida aos piratas.

Na parede exterior foi construído um alpendre dedicado ao Espírito Santo; as sopas do Império são distribuídas a partir daqui na Festa do Divino Espírito Santo.

Coroa do Espírito Santo

Outrora das mais populares festas em Portugal, no século XVI a inquisição considerou-a uma heresia – nos Açores, mais isolados e seguros da sua fé, as festas continuaram. O clero não era ausente, mas sua presença não era imperativa; invulgar, pois noutras festas religiosas o clero é o elemento vital.

 

  • Coordenadas: 36.999436, -25.123349

Pouco mais de 10 minutos pela estrada avista Barreiro da Faneca, visão ímpar que é popularmente conhecida como Deserto Vermelho – realmente sente-se noutro planeta. A cor avermelhada resulta do solo árido mais argiloso.

 

  • Coordenadas: 36.983619, -25.090615

O Pico Alto é o ponto mais alto da ilha, a cerca de 590 metros. Aqui a paisagem é totalmente diferente de qualquer lugar na ilha, onde sobe através de densas plantações de Cryptomeria para chegar a uma pequena cúpula de belas vistas.

 

Esta é das mais belas freguesias da ilha; de julho a agosto as estradas “flamejam” com crocosmias vermelho-alaranjadas e amarelas, uma oportunidade de foto a cada 300 metros. Há um silêncio maravilhoso, com o ocasional cantar dum galo.

Santa Bárbara
Santa Bárbara
  • Coordenadas: 36.984861, -25.068284

As habitações têm uma estrutura singular, com duas categorias de chaminé, uma alentejana e outra algarvia, indícios dos primeiros povoadores e suas origens.

 

  • Coordenadas: 36.981457, -25.060299

Na Santa Bárbara, a cerca de 5 minutos para Este do centro, fica o Poço da Pedreira – uma antiga pedreira de extração de inertes, de cor avermelhada, que esculpiu o cone vulcânico de Pico Vermelho. O poço de água na base cria um ambiente verdadeiramente singular.

 

Na costa nordeste, vale a pena visitar a Baía de São Lourenço, numa descida espetacular na face do penhasco – a 10 minutos de Santa Bárbara.

  • Coordenadas: 36.987186, -25.053974

É uma reserva natural em forma de anfiteatro e, ao seu pé, vinhas cultivadas em socalcos (aqui chamam de cartéis), as praias e piscina natural.

  • Coordenadas: 36.982351, -25.047960

No caminho para Santo Espírito, pare no Miradouro de São Lourenço para uma vista panorâmica esplêndida da baía e das suas vinhas. Pode aceder por barco a uma gruta de estalactites no interior do Ilhéu romeiro.