Açores Grupo Oriental Ponta Delgada (Açores)

Ponta Delgada (Açores)

Jardim Botânico do Canto

  • Coordenadas: 37.746883, -25.669852

Subindo pela Avenida Gaspar Frutuoso até à Rua de José do Canto, encontra o Jardim Botânico José do Canto (aberto das 9 da manhã às 17 da tarde) – espaço de colossos vegetais e singulares espécies exuberantes, de clara influência do período vitoriano inglês.

José do Canto foi um rico e culto proprietário do século XIX que criou este jardim – também responsável pela Capela da Nossa Senhora da Vitória, na Lagoa das Furnas. No seu tempo, o jardim era bem maior e imponente.

 

  • Coordenadas: 37.746261, -25.671891

Ao lado do Jardim Botânico, encontra o Jardim do Palácio de Sant’Anna (terça-feira a domingo das 10h às 17h) – atual sede do Presidente do Governo da Região Autónoma dos Açores.

O Palácio, século XIX em estilo neoclássico, foi erguido por José Jácome Correia e herdado por Aires Jácome Correia – o primo de José do Canto. Pode visitar o exterior do edifício e jardim por cerca de 2 euros.

 

  • Coordenadas: 37.746192,-25.675207

Os centros comerciais não são a principal atração nos Açores, porém, caso precise de fazer compras tem o Parque Atlântico – a cerca de 500 metros do Jardim de Sant’Ana e muito perto do Jardim António Borges – com todas as populares marcas, hipermercado, área de restauração e cinema.

 

  • Coordenadas: 37.745081, -25.676431

Por baixo do Parque Atlântico, com entrada na Avenida Antero de Quental ou na Rua António Borges, o Jardim António Borges (1858) foi criado pelo afluente António Borges da Câmara de Medeiros. Continua a ser o mais fantasioso, dos jardins.

Continua a existir a grande ravina samambaia e a sua ponte romântica, pequenos cursos de água, embora alguns já secos. A maior parte da plantação original veio de muito longe – vale a pena ver as enraizadas Ficus macrophylla e a enorme Albizia.

 

  • Coordenadas: 37.748072, -25.687093

No noroeste da cidade, cerca de 1 km do Parque Atlântico, a Gruta do Carvão (Rua do Paim 2) é uma amostra eloquente escavada pela força criadora vulcânica correndo em direção ao mar.

Visita-a, por cerca de 5 euros, entre as 10 e as 6 da tarde (fechada para almoço). Nas paredes há vestígios de bolhas de gás que rebentaram, e no teto, inúmeras estalactites de lava de forma cónica, conferem à gruta uma beleza singular.