Alentejo Baixo Alentejo Beja (Alentejo)

Beja (Alentejo)

A uma hora e meia de Faro (para sul pela A2) e a uma hora de Évora (para norte pela IP2), é a última cidade importante a caminho do Algarve.  Com uma posição estratégica no centro de planícies, aqui foi fundada uma cidade, 48 anos antes de Cristo, em honra do acordo de paz aqui assinado entre Roma e os Lusitanos –  a Pax Julia.

Beja é também conhecida pelo caso de amor entre uma freira do século XVII que viveu no Convento de Nossa Senhora da Conceição, no centro da cidade. A Mariana Alcoforado apaixonou-se pelo Conde Chamilly, oficial de cavalaria francesa, e é creditada com Cinco Cartas de amor publicado pela primeira vez em Paris em 1669.

Mariana Alcoforado

O Convento é um impressionante edifício, fundado no século XV, e tem uma variedade de ornamentos manuelinos, incluindo portais elaborados e um tecto decorado com balaustros e pináculos.

Dissolvido em 1834, o convento abriga hoje o excelente Museu Regional no Largo de Conceição.

A arte da igreja e pinturas flamengas estão reunidas nas galerias do claustro, mas são os sumptuosos azulejos do convento que chamam a atenção – as paredes dos claustros são completamente cobertas com azulejos dos séculos XVI e XVII.

O outro destaque é uma magnífica capela rococó, adornada com querubins.

  • Coordenadas: 38.014189,-7.863503

No andar de cima encontra a pequena secção arqueológica – inscrições romanas lembram a importância da Beja romana.

Muito foi encontrado no local de Pisões, a 7 km sudoeste da cidade (sinalizado a partir da estrada de Aljustrel), onde as paredes duma barragem romana pode ainda ser vistas e restos de construções rurais do primeiro ao quarto século.

Pisões
  • Coordenadas: 37.997598,-7.949273